Mahou Shoujo Madoka Magica – Review do anime

Anime: Mahou Shoujo Madoka Magica
Personagens: Kyubey (gato-coelho alienigena magico) Madoka Kaname (personagem principal), Homura Akemi, Mami Tomoe, Sayaka Mili, Kyoko Sakura, Hitomi Shizuki, e outros não tão importantes.

Lembrando que, os dois primeiros EPs do anime, são apenas para apresentar as personagens, e o mundo em si. A história de verdade, começa a partir do EP 3 e 4, onde tem um desenrolar importante, e marcante.

Primeiramente, imagine que, você pode ter seu maior sonho/desejo, transformado em realidade, sem limites, sem qualquer responsabilidade sobre, tudo o que tens de fazer, é aceitar em se transformar em uma “garota mágica”.
Essa é a ideia do anime, porém, nem tudo são rosas, se fosse apenas isso até, não teria o por que de estar escrevendo sobre o anime.
Quando se aceita o contrato, realiza seu desejo, você ganha seus poderes, (pequeno spoiler) você tem sua alma aprisionada em um cristal, e seu corpo vira uma casca vazia, e se seu corpo ficar longe de mais do cristal, perde as forças e fica “morto”. Também existem as bruxas, que nada mais são do que, garotas mágicas que ultrapassaram o limite de impureza, e se tornaram em demônios que cortam a realidade, e criam um “próprio mundo” para fazer suas atrocidades. No anime, somos apresentados a uma entidade alienígena, Kyubey, que oferece os desejos a garotas, e apresenta o contrato.

O anime me marcou de mais, devido a sua falta de limites, e também, pelo fato de que, usam personagens fofos, para uma guerra sangrenta entre o “bem e o mal”, e explica, de forma totalmente diferente até então, que esses conceitos são puramente humanos, e que, na natureza, existe apenas o forte e o fraco, o que tem conhecimentos, e o que prefere ignorar tudo a sua volta. Ele não é citado atoa, na lista de muitos, como um anime importante, por que, além de surpreender, a história é boa, e tem um final fechado, e a maioria dos elementos são bem explicados.

Satânico Noel

Quem não se comporta, ganha presente do Satânico Noel de natal.